Bem ti vi

Para você, Letícia, meu Bem-te-vi".
Viste, hoje, o passarinho na janela?
Tão frágil, tão pequeno, tão delicada fera.
Parece procurar-te, de primavera, em primavera. Até pousar cansado, noutra janela.
Ouviste-lhe, acaso, o canto de saudade? Também eu te procuro minha bela.
Encontro-te no meu peito, fiz-te um ninho, aconcheguei-te no meu altar.
É que aquele passarinho na janela lembrou-me o dia que há muito já perdi.
Bem me quiseste, e tanto bem te quis...
Quiseste mais, eu sei, compreendi. Tu frágil, doce, bela...
Lembro-me de ti. Esquecer-te, meu amor, seria como me esquecer de mim.
É que aquele último dia cerrou-te os olhos delicadamente, e entre beijos eu te vi partir...
Voaste!... Voaste firme e decididamente.
De volta para dentro de mim,
E eu... Fiquei aqui, a lembrar-te de ti, a sonhar contigo, esperando o dia em que poderei te ter aqui, em meus braços para abraçar-te, beijar-te, beijar-te, beijar-te..
Te espero até depois do fim.

Amigos

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Hora do Banho, o que antes era motivo de choro, hoje se tornou um grande PRAZER!!!


O que antes parecia não apreciar muito, agora se tornou um momento de grande prazer...
No começo chorava para tomar banho... Era preciso improvisar uma festa, uma sequência de musiquinhas e dancadinhas das irmãs para distrair a Lelê na hora do banho...
Mamãe confessa que suava a camisa... Sem contar no Papai tem tinha que estar sempre por perto para segurar as mãozinhas...
Acho que ela tinha medo de cair, pois se agarrava na minha blusa e só soltava quando a tirava da banheira.
Olhando as fotos não parece, mais no começo era punk.
Os dias foram passando, meses também e a Lelê começou a descobrir que o banho poderia ser muito divertido...
Mais gostar mesmo, ela gostou quando foi para o chuveiro... Ahh se eu soubesse que iria gostar tanto do banho direto da fonte nunca tinha usado a banheira.
Começou a tomar banho diariamente com o Papai, são 2 banhos um logo depois do almoço na banheira com a Mamãe ou a Baba, e outro no fim da tarde de chuveiro com o Papai logo ao chegar do serviço.
O Prazer é tanto que o Papai vem correndo do serviço só pensando no banho, e a Lelê só de ouvi o chuveiro abre logo o sorrisão.
Tem aqueles banhos noturnos também quando faz bastante calor e a Lelê soua muito, mamãe não resiste também cai na farra do chuveiro com a Leléca, ao som de chuá, chuá... Gostoso pra Chu, Chu, chuá hoyé!!!

Nenhum comentário: