Bem ti vi

Para você, Letícia, meu Bem-te-vi".
Viste, hoje, o passarinho na janela?
Tão frágil, tão pequeno, tão delicada fera.
Parece procurar-te, de primavera, em primavera. Até pousar cansado, noutra janela.
Ouviste-lhe, acaso, o canto de saudade? Também eu te procuro minha bela.
Encontro-te no meu peito, fiz-te um ninho, aconcheguei-te no meu altar.
É que aquele passarinho na janela lembrou-me o dia que há muito já perdi.
Bem me quiseste, e tanto bem te quis...
Quiseste mais, eu sei, compreendi. Tu frágil, doce, bela...
Lembro-me de ti. Esquecer-te, meu amor, seria como me esquecer de mim.
É que aquele último dia cerrou-te os olhos delicadamente, e entre beijos eu te vi partir...
Voaste!... Voaste firme e decididamente.
De volta para dentro de mim,
E eu... Fiquei aqui, a lembrar-te de ti, a sonhar contigo, esperando o dia em que poderei te ter aqui, em meus braços para abraçar-te, beijar-te, beijar-te, beijar-te..
Te espero até depois do fim.

Amigos

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Lelê a BB da Família ♥ Nossa realização, nossa TOTALIDADE!!!

Amava a Letícia de uma maneira exagerada... não conseguia entender o pq. Achava que amava, cuidava e zelava mais da Letícia por conta da idade, por estar mais madura, pois quando tive minhas outras filhas eu era muito nova, levava uma vida difícil, e agora não, estava na minha melhor faze, madura, bem casada e amada, estável, tinha a consciência que era chegada a hora de somente ser feliz e a Lelê veio para contemplar tudo isso, era a realização de toda a família, nossa TOTALIDADE. Quando o coraçãozinho dela parou de bater passei a amá-la ainda mais, e quando agente ama agente quer estar perto, o fato de ela não poder voltar me faz querer ir ao seu encontro... Isso é consciente mas também inconsciente.
Pela logica eu tenho que entender que a Letícia se foi mas a Karol, a Gabi e o Ricardo estão aqui precisando de mim, mas na pratica penso que a Lelê é um Bebe e precisa muito mais de mim, minhas outras filhas, já cuidei, amamentei, eduquei, transformei em pessoas de bem, a Lelê não, ESTAVA COMEÇANDO A VIVER... Prometi a ela que amamentaria até completar um aninho pois ela tinha intolerância a leite industrializado, e agora??? PROMETI E NÃO PUDE CUMPRIR...
PERDOA-ME MEU TESOURO POR NÃO PODER MAIS TE DAR SEU TETÊ... Seu por direito... Roubaram isso de nós!!!
TE AMO MAIS QUE TUDO!!!

3 comentários:

Ana Lucia Decorações disse...

tudo que você podia fazer você fez nunca vou me cansar de dizer você foi a melhor mãe que ela poderia ter, não sabemos os por quês, mas tenha a certesa que vocês são melhores pais que ela poderia ter, perfeitos em cuidado e amor...

Gislene disse...

Querida, obrigada pelo seu comentário no blog do meu anjinho amado !
Que aconteceu com sua filhinha, entrei agora e não tive tempo de explorar o blog...
Eu só posso lhe dizer uma coisa, exatamente hoje está fazendo 4 anos e um mês que perdi meu único filho, o mais amado, o mais querido !

Ador não vai passar nunca ! Não passa ! Mas acabamos por nos acostumar com a dor que vem todo dia e dá uma cutucadinha !
Não quero lhe deixar para baixo com isso que estou falando, melhor do que mentir... Mas a gente se acostuma com a dor...Beijo grande força !

Gislene disse...

Sabe querida, um filho não compensa o outro, mas você tem mais dois filhos... para lhe ajudar... Para mim, só restou a dor da saudade do meu único filhinho amado !