Bem ti vi

Para você, Letícia, meu Bem-te-vi".
Viste, hoje, o passarinho na janela?
Tão frágil, tão pequeno, tão delicada fera.
Parece procurar-te, de primavera, em primavera. Até pousar cansado, noutra janela.
Ouviste-lhe, acaso, o canto de saudade? Também eu te procuro minha bela.
Encontro-te no meu peito, fiz-te um ninho, aconcheguei-te no meu altar.
É que aquele passarinho na janela lembrou-me o dia que há muito já perdi.
Bem me quiseste, e tanto bem te quis...
Quiseste mais, eu sei, compreendi. Tu frágil, doce, bela...
Lembro-me de ti. Esquecer-te, meu amor, seria como me esquecer de mim.
É que aquele último dia cerrou-te os olhos delicadamente, e entre beijos eu te vi partir...
Voaste!... Voaste firme e decididamente.
De volta para dentro de mim,
E eu... Fiquei aqui, a lembrar-te de ti, a sonhar contigo, esperando o dia em que poderei te ter aqui, em meus braços para abraçar-te, beijar-te, beijar-te, beijar-te..
Te espero até depois do fim.

Amigos

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Breninho:

Dia 15/10/2011 duas crianças que estavam internadas na UTI infantil (rec I) tiveram intercorrência. Letícia e Breno ambus de 6 meses de idade, ambus estavam se recuperando de uma cirurgia cardíaca, ambus trocaram válvulas do coração, Letícia trocou a válvula mitral, Breno as duas, mitral e aorta.
Letícia e Breno sofreram uma intercorrência na madrugada e foram os dois de volta ao centro cirúrgico, durante a madrugada ligaram para nossas casas, a mim pediram apenas que fossemos para la e a ela pediram que levassem documentos e roupas da criança.
Eu estava la com o Ricardo no corredor gelado em frente a porta da UTI esperando por noticias da Letícia, acreditando piamente que ela estava se recuperando e que tudo daria certo, quando Bethânia mãe do Breninho chegou chorando e olhando dentro de meus olhos disse:
Vim liberar o corpo do menino...
Nossa nunca vou esquecer o calafriou que percorreu todo meu corpo, cai num choro profundo pelo Breno, pela Mamãe Bethânia.
De repente eramos 2 mães e 1 Pai desesperados chorando na porta de uma UTI.
Mais tarde vieram nos dar noticias e para nossa surpresa Breninho tinha resistido e estava bem, já a Letícia tinha voado alto rumo as estrelas do céu.
Os meses se passaram e a pouco tempo tive noticias do Breno, ele estava vivendo com a mamãe e mais 2 irmãos em uma situação precária de risco quando amigos de alma a socorreram, Breninho precisou voltar ao incor e esteve internado por mais alguns dias, enquanto isso as amigas de alma enviadas por anjos alugaram um apartamento e com a ajuda de algumas pessoas voluntarias mobiliaram o apartamento que ficou lindo. Eu fui privilegiada em estar la, levei as fraldas que eram da Letícia para o Breno, desde que ela foi para o céu é muito difícil para mim me desfazer de tudo o que era dela, durante muito tempo tudo permaneceu aqui no lugar de sempre, aos poucos consegui doar as latas de leite sem lactose para o Carlos priminho também intolerante, aos poucos consegui doar as vitaminas que iriam vencer, também as pomadas de assadura, mas as fraldas só agora foram doadas com muito amor ao Breno. Imagino a carinha sapeca de alegria da Letícia no céu ao ver as fraldas sendo usadas por seu amigo de UTI.
Ver o Breno crescer e se recuperar é algo que não tem preço é recuperar a fé na vida, na medicina, nos homens, nos anjos.
Em fim,
Ontem Breninho teve alta do hospital, venceu mais uma de suas batalhas, chegou na nova casa lindo e sorridente, mamãe Bethânia que corria até o risco de perde-lo por não ter condições de cuida-lo não soube definir tamanha alegria, a emoção tomou conta.


(Breninho e seu anjo na terra Rosiani)

Bom dia meus queridos !!

Queria tanto conseguir descrever a felicidade que estou sentindo em ver a alegria dessa família .
O Maicon que foi comigo a tarde pra lá, ficou encantado com tudo, com os presentes que estavam lá embaixo da árvore que a Roberta mandou. Ficou segurando a bola a tarde toda e querendo que a mãe chegasse para poder abrir os outros ...RS
Dobrou com todo carinho o pacote, o bilh
etinho que ela escreveu e disse que guardaria.

Perguntava quanto tempo poderiam morar ali, se os móveis eram deles, gente tive que me segurar muito...
Quando a Betânia chegou com o Breno, quase 00:00hrs já, ou mais, nem lembro, ela tremia, dizia que aquilo não estava acontecendo com ela, que achava que jamais seria possível aquilo. Chorou, se emocionou e o Breno ?? o Breno rindo, todo feliz, super bem, olhando tudo no quarto, foi da ambulância até o quarto sem o oxigênio (vc repararam que a foto que ele está na cama, está sem ??...
Bom , quero agradecer a Deus, a Nossa Senhora e aos Arcanjos, Eles estavam lá, tenho certeza !
Agradeço a cada um de vocês que ajudaram esse sonho se realizar, sem a união e ajuda de todos nada disso seria possível.
Gostaria que estivessem todos ali comigo, mas saibam que lembrei de todos !!
Reforço a importância de continuarmos nessa luta, foi só o começo, agora precisamos mantê-los. A Betânia me disse que vai começar a receber o bolsa família, sabem quanto ? R$ 110,00 parece....essa é a renda mensal que ela vai começar a ter.
Entrou com pedido de benefício para o Breno, mas não foi marcado nem a perícia ainda.
Conto com vocês, com o mínimo que puderem, para que consigamos pagar as despesas, luz, gás, medicamentos, alimentação, e tudo mais.

Fiquem com Deus e na Luz Divina !!
Acreditem, oque estamos doando, voltará em bençãos para todos nós, são os tesouros da alma, a única coisa que levaremos desse mundo...o BEM que fazemos ao outro !!!!
beijos no coração !! ♥
Rosiani

No meio de uma guerra que estamos vivendo onde policias e bandidos morrem em confronto todos os dias, inocentes morrem por conta de bala perdida, Pais esquecem filhos dentro de carro, professoras deixam crianças morrerem afogadas dentro de piscina, crianças são abusadas, roubadas, contrabandiadas, filhos matam pais, pais espancam filhos e até os jogam no lixo... Em meio ao caus encontramos pessoas do bem, que saem do conforto de suas casas para ajudarem ao próximo. 
Flavinha não os conhecia, conhecia apenas sua historia e diante disso arregaçou as mangas e se uniu a Rosiani em pró do Breno, da Bethânia...
Então me perguntam:
Elas também perderam filhos???
E eu respondo:
-Enquanto conversávamos Flávia olhou dentro de meus olhos e disse:
-Fabi, estou aqui por que meu filho também é cardiopata, foi operado e hoje esta bem, estou aqui porque MEU FILHO ESTA VIVO.
Eu olhei dentro de seus olhos e pensei:
-E eu, estou aqui porque???
Logo a resposta surgiu em minha mente e em meu coração:
ESTOU AQUI POR AMOR A MEMORIA DE MINHA FILHA QUE TAMBÉM ESTA VIVA POREM NO CÉU.
Não foi preciso dizer isso a Flávia, ela logo concluiu e disse:
-Você também esta aqui por ela né?
Sim, Flavinha, estou aqui por amor!!!

Diante a tudo isso só me resta desejar do fundo do meu coração saúde para o pequeno Breno, paz e tranquilidade a mamãe Bethânia para cuidar dele com muito amor, alegria aos irmãozinhos, uma vida longa e feliz a essa família.
Dizer também que o amor que sinto a Letícia transformou a pessoa que sou. Como magia aumentou o tamanho do meu coração enchendo ele de amor ao próximo, e a ela.... 
Ahhhh a Letícia:
A-amo incondicionalmente e isso independe da presença física dela, a amo mas a cada minuto que passa.

6 comentários:

daliane disse...

to chorando de emoçao, alegria e felicidades!!!! Vou ajudar tbm essa familia, moro em Rondonia, mas isso nao me impede de ajudar!!! bjos a vcs anjos em terra, mas guiados pelo dos céus!!

Fabiana Gomes disse...

Oi Daliane peço que me add. no facebook, la existe uma pagina: Ajudem o Breno com maiores informações de como ajudar esse Anjo que vive na terra. Obrigada, grande beijo

Gislene disse...

Amiga que lindo estou chorando aqui...

SIMONE disse...

Chorei aqui..demais... conheço toda a história de Breno, através da Viviane Susin que não sei se conheceu... Ela também perdeu seu filhinho, o Cauê.. Parabéns pelas palavras lindas e continuaremos junto com vocês, mesmo longe.. Eu não conheço a família do Breno, mas pra mim, é como se sim´...

Fernanda Costa Xavier disse...

Li a sua história, e tbm a do Breno...
A do Breno conheci através do grupo do Pequenos Corações...
E tbm da pagina Ajudem o Breno... a História dele é linda.
Amei seu cantinho sua filha era uma princesinha, e assim como meu anjinho tinha o coração especial.
Meu Raphael nasceu com SHCE, e faleceu 5 dias depois...
enfim se quiser passa lah no meu bloghttp://nandaflorzinhabricio.blogspot.com.br/
bj
Fernanda Xavier

mila disse...

Eu tb perdi uma filha cardiopata... ela tinha o mesmo problema do breninho.. tetralogia. N consigo imaginar q exista dor maior. Dia 30 de dezembro agora, faz 5 anos q ela faleceu, ela morreu com 4 aninhos... e a dor n passa. Tenho 29 anos e a minha vida parou completamente. Admiro muito pessoas como vc, q consegue ter forças p ajudar a quem realmente precisa. Vc esta de parabéns... continue sempre assim! Um grande bjo no seu coração.