Bem ti vi

Para você, Letícia, meu Bem-te-vi".
Viste, hoje, o passarinho na janela?
Tão frágil, tão pequeno, tão delicada fera.
Parece procurar-te, de primavera, em primavera. Até pousar cansado, noutra janela.
Ouviste-lhe, acaso, o canto de saudade? Também eu te procuro minha bela.
Encontro-te no meu peito, fiz-te um ninho, aconcheguei-te no meu altar.
É que aquele passarinho na janela lembrou-me o dia que há muito já perdi.
Bem me quiseste, e tanto bem te quis...
Quiseste mais, eu sei, compreendi. Tu frágil, doce, bela...
Lembro-me de ti. Esquecer-te, meu amor, seria como me esquecer de mim.
É que aquele último dia cerrou-te os olhos delicadamente, e entre beijos eu te vi partir...
Voaste!... Voaste firme e decididamente.
De volta para dentro de mim,
E eu... Fiquei aqui, a lembrar-te de ti, a sonhar contigo, esperando o dia em que poderei te ter aqui, em meus braços para abraçar-te, beijar-te, beijar-te, beijar-te..
Te espero até depois do fim.

Amigos

domingo, 25 de agosto de 2013

Blog "Perdi meu Bebe"

http://perdimeubebe.blogspot.com.br/2011/11/homenagem-da-mamae-fabiana-e-do-papai.html?showComment=1377463078168#c3219012359158272842

Relembrando alguns momentos,  para ser exata relembrando os piores momentos da minha vida, aquele do primeiro instante, como não lembrar??? como deixar de pensar???

Eu tinha consciência de que não suportaria tamanha dor, tamanho sofrimento se algo extraordinário não acontece imediatamente. Aquela madrugada em que chorava desesperada, sentindo no peito nada mais do que a dor do infarto, aquele momento em que descontroladamente pensava em tudo inclusive em desistir de viver, aquele instante em que insanamente pesquisei no google "Porque perdi meu bebe" e imediatamente abriu o blog chamado "Perdi meu bebe" a partir daquele momento tudo mudou, estava ali a mudança extraordinária que eu precisava para não desistir de mim, havia naquele mesmo instante em tantos outros lugares do brasil e do mundo mães desesperadas como eu procurando insanamente no google resposta para algo que não existe e ao velas ali desesperadas criei forças e gritei, não vamos desistir, JUNTAS SOMOS MAIS FORTES!!! E constatei que sim, eu estava certa, estava ali a ajuda que eu tanto precisava, pessoas capazes de entender os meus mais insanos pensamentos e questionamentos, estava ali Mães em situação piores que a minha e com a minha ajuda conseguiram se sentir melhor... Eramos mães feridas, passamos a ser mães sobreviventes, mulheres que luta e vence a pior batalha humana. Independente de crenças, situação financeira, raça, NOS TORNAMOS TODAS IGUAIS, mães que sofrem, que tem como saudade o maior sentimento de seu peito, que ama o amor mais profundo, mas verdadeiro, maior que todas as coisas inclusive a morte.
Hoje:
Preocupada com a Cecylia mamãe do Anjo Paulo Henrique, criadora do blog "Perdi meu Bebe" entrei no blog "Perdi meu bebe" Pude constatar que a Cecylia continua dodói, e quando percebi ja estava ali lendo meu próprio relato 1 mês após a partida da Letícia, notei que haviam recadinhos para mim ao qual eu ainda não tinha lido, li, chorei, re-li chorei mais ainda e minha resposta foi:

Obrigada a cada mãe e Pai que dedicaram palavras de conforto a mim... Me confortaram muito, me ajudaram muito, acreditem!!! Obrigada de coração!!! 2 anos após a partida da Letícia comunico que estou a espera de uma outra bebezinha que chamara Mariana, prevista para nascer em novembro um mês após completar 2 anos da partida da Letícia para o céu... Foi um longo percurso até aqui, cai e me levantei muitas vezes, tive muita vontade de desistir de tudo inclusive de minha própria vida mas Letícia meu Anjo me ajudou em todos os momentos deixando claro que é minha e minha sera eternamente, nem a distancia, nem morte foram capazes de nos separar, ela continua sendo e para sempre sera MEU AMOR MAIOR!!! Um beijo ♥


Um comentário:

Pricila Cruz disse...

Guerreiraaaaaa! Parabéns pela gravidez! Deus irá te recompensar por toda a dor que vc passou através da Mariana :)