Bem ti vi

Para você, Letícia, meu Bem-te-vi".
Viste, hoje, o passarinho na janela?
Tão frágil, tão pequeno, tão delicada fera.
Parece procurar-te, de primavera, em primavera. Até pousar cansado, noutra janela.
Ouviste-lhe, acaso, o canto de saudade? Também eu te procuro minha bela.
Encontro-te no meu peito, fiz-te um ninho, aconcheguei-te no meu altar.
É que aquele passarinho na janela lembrou-me o dia que há muito já perdi.
Bem me quiseste, e tanto bem te quis...
Quiseste mais, eu sei, compreendi. Tu frágil, doce, bela...
Lembro-me de ti. Esquecer-te, meu amor, seria como me esquecer de mim.
É que aquele último dia cerrou-te os olhos delicadamente, e entre beijos eu te vi partir...
Voaste!... Voaste firme e decididamente.
De volta para dentro de mim,
E eu... Fiquei aqui, a lembrar-te de ti, a sonhar contigo, esperando o dia em que poderei te ter aqui, em meus braços para abraçar-te, beijar-te, beijar-te, beijar-te..
Te espero até depois do fim.

Amigos

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

#mãedemeninas #mãedeAnjo

Ser mãe de anjo é...
Ser mãe de anjo é viver com a saudade que se instalou sem permissão e passar os dias a procurar algo para se distrair para ameniza lá e nada alivia... Tudo leva a maldita saudade que insiste em caminhar junta.
Ser mãe de anjo é dormi rezando pedindo a Deus que o amanhecer seja melhor do que o hoje... É acordar e olhar o dia que insiste ser triste e pensar mais um dia de luta... E anoitecer olhando as estrelas e imaginar que aquela que mais brilha é o meu anjo... E ao se deitar pedir que o inverso aconteça que nossos anjos cuide e olhe por nós ... E enfim agradecer por vencer mais um dia sem saber quantos dias teremos que vencer, sem nunca perde a esperança e a fé.
Ser mãe de anjo é olhar outras criança e ver nosso anjo nela e pensar que ele estaria assim desse mesmo jeitinho. 
Ser mãe de anjo é quando olhamos outras mães com seus filhos e sentimos uma dor no peito que sufoca a alma e a pergunta que não se cala: porque comigo?
Ser mãe de anjo é viver de um passado que planejamos... do presente que foi roubado.... do futuro que não existe mais....
Ser mãe de anjo é se sentir responsável de alguma forma pelo que aconteceu, que não dedicamos o suficiente para proteger o filho(a) mesmo sabendo que a " vida nos traiu ", pois a ordem natural é os filhos enterrarem os pais... No fundo da alma pensamos que poderia ter se empenhado muito mais....
Ser mãe de anjo é ser diferente, andar nas sombras, viver como um telespectador... A vida continua e nós assistindo...
Ser mãe de anjo é ser atriz criar um personagem que se instalou no seu corpo obrigatoriamente, sorri querendo chorar... Dizer que esta bem querendo gritar não estou bem!!!... Interagir com outras pessoas querendo esta no casulo da cama... Sair querendo na verdade ficar em casa... Tentar sonhar com um futuro inserto... com medo de fazer planos que pode se decepcionar mais com a esperança de um dia melhor.
Ser mãe de anjo são mulheres guerreira que foram do inferno ao céu ....No inferno quando descobrimos a morte e no céu acreditando onde estão os anjo que habitaram um dia em nosso ventre.
Ser mãe de anjo é ter a esperança de um reencontro...se empenhar a tornar uma pessoa melhor para merecer o céu.
Ser mãe de anjo é uma vida de imaginação de mistério, nada de concreto, somente a fé em tentar acreditar que Deus  não nos puniu, e um dia ira nos revelar o porque, nesse dia também nos devolvera nosso pequeno grande amor!
Entre tantos afazeres, compromissos e obrigações, ser mãe me consome grandiosamente, não ha nada nesse mundo que seja mais importante, ou precioso para mim. 
Mãe de adolescentes, mãe de bebe, mãe de Anjo!!! 
Ufaaa,  na correria do dia a dia, enquanto aconselho uma, puxa as orelhas da outra, mimo a menorzinha, um vazio enorme e absoluto toma-me numa imensa solidão por  aquela que no céu foi morar... Quando isso acontece, não tem jeito, é preciso frear, chorar e mesmo que não exista resposta, é preciso questionar: 
Porque??? eis a pergunta que não quer calar, jamais entenderei, jamais aceitarei!!! 
Saudade Potinho de ouro... Quanta, quanta saudade meu amorzinho.
Minhas filhas divide-me entre o céu e a terra:
#mãedemeninas
#mãedeAnjo

Nenhum comentário: